Over 10 years we help companies reach their financial and branding goals. Engitech is a values-driven technology agency dedicated.

Gallery

Contacts

411 University St, Seattle, USA

engitech@oceanthemes.net

+1 -800-456-478-23

Segurança da Informação

Porque o Virtual Patching é essencial para a redução das vulnerabilidades divulgadas

Grande parte das estatísticas apresentadas pelas consultorias especializadas em tecnologia e cibersegurança apontam que vulnerabilidades conhecidas e amplamente divulgadas em aplicações, sistemas operacionais e frameworks constituem a principal fonte de ataques cibernéticos bem-sucedidos. 

De acordo com Gartner, por exemplo, 99% dos ataques cibernéticos bem-sucedidos continuarão envolvendo vulnerabilidades conhecidas pelos gestores de tecnologia das empresas. As falhas de alta gravidade, que não são corrigidas por um longo período, por diferentes motivos ( falta de mão de obra adequada, contratos encerrados com fornecedores, sistemas legados, sistemas operacionais sem suporte, entre outros ) são uma porta de entrada facilmente explorada e muitas vezes impossíveis de serem defendidas dos cibercriminosos. 

A solução mais apropriada é o patch que o fabricante da aplicação ao descobrir o erro desenvolve e divulga para que seja instalada, remediando as vulnerabilidades. Eventualmente são encontradas falhas em versões muito antigas de software que mesmo grandes fabricantes não dão mais suporte e neste caso o risco aumenta exponencialmente. Estas falhas são encontradas por empresas de segurança, pesquisadores e especialistas em cibersegurança e geralmente divulgadas em sites ou organizações especializadas como a https://www.cve.org/

Se você verificar nestes locais verá que temos vulnerabilidades em praticamente todos os sistemas operacionais, ou seja, hoje em dia nao existe software 100% seguro.

Basicamente, o patch de software se concentrava na resolução ou correção de problemas que afetavam uma funcionalidade, mas hoje em dia, com o progresso de ameaças mais direcionadas e sofisticadas acontecendo em ciclos mais curtos, o foco da correção está mudando. 

Como a confiança do consumidor, a reputação da sua empresa, seus dados e segredos industriais estão em risco, as empresas devem reconhecer a necessidade de abordar as vulnerabilidades de forma acelerada. Esta corrida para corrigir defeitos conhecidos de software traz uma abordagem chamada Virtual Patching.

O Virtual Patching é um processo de abordar falhas de segurança imediatamente para evitar que sejam exploradas

O virtual patching envolve a implementação de uma camada de política de segurança, que evita e intercepta a exploração de vulnerabilidades. Isso inclui recursos para inspecionar e bloquear atividades maliciosas do tráfego da web, detectar e prevenir ataques a aplicativos ou sistemas operacionais e implementar de forma eficiente correções em ambientes locais ou em nuvem. 

As soluções de virtual patching oferecem aos administradores de segurança a chance de revisar, testar e agendar patches de software oficiais, sem deixar o sistema crítico em risco. Ao contrário da correção tradicional, o patch virtual permite que uma falha seja corrigida sem tocar em suas bibliotecas, no sistema operacional ou mesmo no dispositivo em que está sendo executado. 

A correção se concentra em solucionar temporariamente um problema alterando ou eliminando comportamentos perigosos, assumindo o controle das entradas e saídas de aplicativos. O virtual patching tem como alvo os ataques que utilizam uma vulnerabilidade conhecida e preventivamente interrompem e bloqueiam o tráfego de rede antes que o cibercriminosos explore o sistema de destino.

Os patches virtuais de segurança oferecem a opção de proteger os aplicativos sem que ocorra a aplicação imediata das correções definitivas. As soluções de virtual patching são mais rápidas, não requerem programação em linguagem de aplicativo e controlam o ciclo de patch sem comprometer a proteção. Lembre que um sistema operacional antigo e sem suporte não terá nenhuma ação do fabricante, assim o virtual patch irá proteger seu ambiente enquanto a decisão do melhor cenário é definida por você e sua equipe de TI. Tudo isso acontece sem a necessidade de manter os sistemas de produção desligados e sua empresa pode continuar em pleno funcionamento.

Porque as empresas precisam de sistemas de proteção com virtual patching?

A velocidade com que os cibercriminosos exploram as vulnerabilidades é muito maior que a capacidade das empresas corrigirem as falhas de software, permitindo que os cibercriminosos obtenham os recursos que precisam para explorar vulnerabilidades, o que envolve os seguintes riscos:

  • Comprometimento das medidas de segurança
  • Exposição de dados críticos
  • Vulnerabilidade da rede e de sistemas
  • Perda de reputação e financeira
  • Impactos negativos na governança e conformidade

Com o aumento da quantidade de vulnerabilidades de segurança divulgadas a cada ano, pode ser difícil para empresas com restrições de negócios, recursos humanos e financeiros limitados implantar patches o mais rápido possível. 

Para as empresas, os benefícios diretos no investimento do virtual patching são os seguintes:

  • Ganhar mais tempo para resolver as falhas – o benefício mais significativo do virtual patching é que dá às equipes de TI o tempo necessário para avaliar a falha do código, bem como testar e aplicar os patches necessários.
  • Garantir uma segurança mais forte – oferecendo proteção instantânea para os componentes vulneráveis ​​na infraestrutura de TI, que não podem ser corrigidos imediatamente
  • Melhorar a conformidade regulamentar – ajudando as empresas a cumprir os requisitos de conformidade, a exemplo da Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD) ou PCI (indústria de cartões de pagamento).
  • Oferecer flexibilidade – as soluções de patches virtuais reduzem a necessidade de implementar correções de emergência, simplificando a tarefa. Além disso, com apenas a validação de entrada, a organização pode simplesmente atualizar a política de segurança em vez de ajustar o código do aplicativo. Ele simplifica o processo e permite que você responda às vulnerabilidades em poucas horas.

Sem dúvida, o virtual patching é uma estratégia valiosa para obter proteção imediata contra vulnerabilidades. Para se beneficiar efetivamente das soluções de virtual patching, é preciso estar ciente da divulgação pública de vulnerabilidades, assim como ter a frequência na varredura na busca por fragilidades no seu ambiente. Veja com mais detalhes este processo neste nosso post https://bit.ly/3q2qZ1g

Obviamente, o virtual patching é uma técnica estratégica para responder a um evento pontual de forma rápida, no entanto, não é uma ação que substitui as correções definitivas. O risco de incidentes só é eliminado ao implantar patches permanentes sempre que possível.

Para ajudar no desafio de realizar a gestão efetivas de riscos, assim como implantar iniciativas de conformidade e compliance, conte com a ajuda dos especialistas da Protega Security Consulting. Apoiamos centenas de empresas que mantêm os seus sistemas e dados seguros e sempre disponíveis. Entre em contato conosco e conheça nossos serviços.

Autor

Protega